O campo nome deve ser preenchido!

Fechar

Enviado com sucesso.

Cíntia Lopes

Fale Conosco

(47) 99965 8533

Receba nossas informações

Artigos

Sete passos para superar o medo de falar em público e ter sucesso

Cíntia Lopes e Denise Ayres

Você tem medo de falar em público? No dia a dia, fica cada vez mais difícil fugir a essa obrigação. O mercado de trabalho exige profissionais que saibam se comunicar e vender ideias. Se você prefere morrer a ter que enfrentar a plateia, saiba que é possível seguir alguns passos para domar o medo e fazer apresentações de sucesso.

Primeiro passo: deixe a vaidade de lado. O medo de falar em público, na verdade, é o receio de se expor, de fazer papel de bobo e errar na frente dos outros. A vaidade impede que a pessoa corra riscos e fique vulnerável a erros. Enfrente as situações e não se preocupe com as críticas. Lembre-se que somente a prática leva à excelência.

Segundo passo: tenha conteúdo. Para que você sinta segurança, é preciso estar preparado. O público logo percebe quando a pessoa está enrolando ou não tem certeza daquilo que fala. Portanto, estude, reúna informações e domine o assunto. Se você vai falar durante 15 minutos, prepare-se para falar o dobro do tempo.

Terceiro passo: faça um roteiro. Nada de improviso ou decorar o texto. Prepare sua apresentação de forma organizada com começo, meio e fim. Escreva as principais etapas da exposição e utilize frases que expressam uma ideia completa. Se puder, leve as anotações para servirem de apoio.

Quarto passo: conheça seu público. Saiba quais são as expectativas e o nível intelectual das pessoas que vão assistir a sua apresentação. Procure sondar até que ponto a plateia conhece o assunto. Essas informações trazem mais segurança e possibilitam que você complemente a a explanação com recursos adicionais como power point, histórias, dados e ilustrações.

Quinto passo: atente para sua postura e tom de voz. Dirija o olhar a todos e se movimente para destacar uma informação e manter a atenção da plateia, mas sem exageros. Tenha gestos naturais e utilize o tom de voz de forma agradável. Evite ficar com as mãos nos bolsos ou com os braços cruzados. Sua expressão facial deve estar de acordo com o que você fala.

Sexto passo: cuide com a gramática e os vícios de linguagem. Utilize o tom coloquial e evite palavras que poucos conhecem ou termos técnicos. Erros graves de Português comprometem a sua imagem e põem em dúvida a sua credibilidade. Atente também para os vícios como “né”, “entendeu?”, “percebe”, que demonstram insegurança.

Sétimo passo: transmita emoção. Fale com naturalidade, energia e motivação. O público precisa perceber o seu envolvimento com o assunto. Lembre-se que você tem a responsabilidade de despertar o interesse e contagiar a plateia.

Falar em público é uma questão de conhecer técnicas aliado à prática. Por isso, aproveite as oportunidades para fazer apresentações.Siga esses passos e parta para a ação. Não espere se sentir seguro ou a oportunidade ideal que nunca virá. Haja agora! Enfrente o medo e se lembre que a pessoa de sucesso arriscou mais.

Voltar Enviar Imprimir